3 de jun de 2011

Primeiros Socorros
Queimaduras, Insolação e Intermação


QUEIMADURAS

É a lesão dos tecidos produzida por substância corrosiva ou irritante, pela ação do calor ou emanação radioativa. A gravidade de uma queimadura não se mede somente pelo grau da lesão (superficial ou profunda), mas também pela extensão da área atingida.

CLASSIFICAÇÃO DAS QUEIMADURAS

1º Grau:
Lesão das camadas superficiais da pele, com:
Eritema (vermelhidão).
Dor local suportável.
Inchação.
2º Grau:
Lesão das camadas mais profundas da pele, com:
Eritema (vermelhidão).
Formação de Flictenas (bolhas).
Inchação.
Dor e ardência locais, de intensidade variadas.
3º Grau:
Lesão de todas as camadas da pele, comprometendo os tecidos mais profundos, podendo ainda alcançar músculos e ossos.
Estas queimaduras se apresentam secas, esbranquiçadas ou de aspecto carbonizadas.
Pouca ou nenhuma dor local.
Pele branca escura ou carbonizada.
Não ocorrem bolhas.
Queimaduras de 1º, 2º e 3º graus podem apresentar-se no mesmo acidentado. O risco de vida (gravidade do caso) não está no grau da queimadura, e sim, na EXTENSÃO da superfície atingida. QUANTO MAIOR A ÁREA QUEIMADA, MAIOR A GRAVIDADE DO CASO.
AVALIAÇÃO DA ÁREA QUEIMADA

Use a "regra dos nove" correspondente a superfície corporal:
Genitália 1%.
Cabeça 9%.
Membros superiores 18%.
Membros inferiores 36%.
Tórax e abdomem (anterior) 18%.
Tórax e região lombar (posterior) 18%.
Considere:
Pequeno queimado - menos de 10% da área corpórea;
Grande queimado - Mais de 10% da área corpórea;
IMPORTANTE: Área corpórea para crianças:

Cabeça 18%
Membros superiores 18%
Membros inferiores 28%
Tórax e abdomem (anterior) 18%
Tórax e região lombar (posterior) 13%
Nádegas 5%

COMO PROCEDER
Afaste a vítima da origem da queimadura e retire sua veste, se a peça for de fácil remoção. Caso contrário abafe o fogo envolvendo-a em cobertor, colcha ou casaco. Lave a região afetada com água fria (1ºgrau) mas não esfregue a região atingida, evitando o rompimento das bolhas.
Aplique compressas frias utilizando pano limpo. Não aplique ungüentos, graxas, óleos, pasta de dente, margarina etc, sobre a área queimada. Mantenha a vítima em repouso e evite o estado de choque. PROCURE UM MÉDICO.

IMPORTANTE: Nas queimaduras por CAL SODADA (soda cáustica),devemos limpar as áreas atingidas com uma toalha ou pano antes da lavagem, pois o contato destas substância com a água cria uma reação química que produz enorme quantidade de calor.

INSOLAÇÃO

É uma perturbação decorrente da exposição DIRETA e PROLONGADA do organismo aos raios solares.
COMO SE MANIFESTA

Pele quente e avermelhada.
Pulso rápido e forte.
Dor de cabeça acentuada.
Sede intensa.
Temperatura do corpo elevada.
Dificuldade respiratória.
Inconsciência.


COMO PROCEDER
Remova a vítima para um lugar fresco e arejado, afrouxe as vestes da vítima. Mantenha o acidentado em repouso e recostado, aplique compressas gelada ou banho frio se possível. Procure o hospital mais próximo

INTERMAÇÃO

Perturbação do organismo causada por excessivo calor em locais úmido e não arejados.

COMO SE MANIFESTA

Dor de cabeça e náuseas.
Palidez acentuada.
Sudorese (transpiração excessiva).
Pulso rápido e fraco.
Temperatura corporal ligeiramente febril.
Câimbra no abdomem ou nas pernas.
Inconsciência.
COMO PROCEDER
Remova a vítima para um lugar fresco e arejado, afrouxe as vestes da vítima. Mantenha o acidentado deitado com a cabeça mais baixa que o resto do corpo.


Nenhum comentário: